Escola de Educação Básica promoveu atividades na III Semana da Consciência Negra

  • 28 de novembro de 2019
Compartilhe essa notícia...
Share on Facebook
Facebook
Email this to someone
email
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Este ano, as turmas do 8º e 9° anos trabalharam o tema“ África e cultura afro-brasileira” | Foto: URI São Luiz

A Escola de Educação Básica da URI –  São Luiz Gonzaga desenvolve projeto em referência a cultura Afro há mais de uma década. Nos últimos três anos, suas ações começaram a fazer parte do projeto da Universidade, em parceria com o Observatório de Estudos Culturais e Diversidades, dirigido pela professora Sônia Bressan, que neste ano promove a III Semana da Consciência Negra.

Nas salas de aula são debatidas diferentes formas de discriminação, preconceitos e a importância do respeito às etnias. Os temas são abordados nos diferentes níveis de ensino.

A cada ano são proporcionadas ações diferenciadas de significado educacional. Este ano, as turmas do 8º e 9° anos trabalharam o tema“ África e cultura afro-brasileira”.

Como exemplo, o 8° ano, orientado pelas professoras Mariza Ditz e Kelly Santos, organizou oficina para os alunos do turno da tarde, no dia 22 de novembro, que consiste na explicação da história da boneca Abayomi e confecção da mesma. O nome da boneca significa: “encontro precioso” e, de acordo com a lenda, as negras escravas confeccionavam as bonecas nos navios negreiros para acalentar as crianças durante a viagem. Hoje essa boneca virou símbolo da resistência e de amor.

URI – São Luiz Gonzaga